Prontuário Terapêutico – 10, Março de 2011 - Portugal
(2011; 699 páginas)

Abstract

Uma publicação da natureza do Prontuário Terapêutico, que se propõe fornecer aos profissionais do mundo da saúde informação completa, crítica e fidedigna sobre os medicamentos disponíveis em farmácia comunitária, tem, necessariamente, de assumir um estilo e de respeitar a inovação. O estilo, conseguido ao longo de várias edições e cooptado pelos membros do Grupo de Trabalho que elabora o Prontuário Terapêutico, é o de consignar as características essenciais de cada medicamento referido, fornecendo ao profissional a informação relevante para que o respectivo uso terapêutico possa ser o mais conforme com as necessidades do doente, isto é, que o medicamento prescrito seja o mais adequado para a situação clínica existente naquele paciente, do ponto de vista da sua eficácia, tolerabilidade e custo. Para tal, almejamos aliar a correcção à contenção, a síntese ao rigor; até que ponto logramos alcançar este objectivo, não é da nossa competência julgar, embora nos anime o juízo positivo emitido por tantos profissionais e a continuada confiança em nós depositada pelo Infarmed.

Para além de informação respeitante aos medicamentos existentes na farmácia comunitária, são numerosos os casos de inclusão de monografias relativas a medicamentos de uso (ou cedência) hospitalar exclusivo. Deve-se tal opção ao facto de cada vez mais se verificar a situação de pacientes medicados em ambiente hospitalar passarem a regime ambulatório durante a terapêutica ou a sempre estarem nesta situação. Impõe-se então que o profissional não hospitalar, que acompanha o paciente, tenha toda a informação para o fazer nas melhores condições de informação.

Apesar da disponibilização do Prontuário em formato electrónico no sítio do Infarmed, no site móvel para acesso via dispositivos móveis (telemóveis e tablets) e da sua edição em linha, entendeu-se justificado manter a edição em papel, dado que para muitos utentes esta é (ainda?) a forma preferida para leitura e consulta.

No ano em que esta publicação atinge a sua 10ª edição, número já em si notável numa área em que predomina a efemeridade, será certamente permitido ao Coordenador afirmar que o êxito do Prontuário se deve em primeira linha aos restantes membros do Grupo de Trabalho, ao seu saber, dedicação e disponibilidade para deliberar, em conjunto, acerca das melhores estratégias e orientações para se alcançar os objectivos previamente definidos.

 
The WHO Essential Medicines and Health Products Information Portal was designed and is maintained by Human Info NGO. Last updated: October 7, 2014